Conhecendo Clear Water na Flória a melhor praia dos Estados Unidos e a 8ª melhor do mundo

E hoje é dia de praia!!!

Ao menos no nosso post de hoje estou lhe trazendo muitas dicas do que consegui conhecer, desbravar e economizar em Clear Water, cidade da região de Tampa, na Flórida e com praias MA-RA-VI-LHO-SAS!!!!

Acompanhe nosso vídeo e mais dicas abaixo:

 

Cidade e Praia

Localizada no Golfo do Mexico Clearwater tem areias branquinhas como açucar (aliás esse é o nome da Praia do nosso vídeo) e o mar é calmo o suficiente para você não se preocupar com os filhos pequenos brincando na água.

A cidade é bem simpática e movimentada. As pessoas seguem o estilo de humor dos residentes da Flóridas, mas vários estressados, principalmente no trânsito no estilo dos Nova-iorquinos.

Há uma tonelada de atrações na região que incluem além de todos os passeios óbvios de uma região litorânea: passeios de barco, mini-cruzeiros para ver o pôr-do-sol, banana-bolt, passeios de jet-ski e um barco pirata muito irado, tem também um aquário, pistas de kart de alta velocidade se você quer curtir a experiência, zoológico, trilhas de aventura e mergulho.

A não ser que você vá para todos esses passeios longes, eu não estou certo se alugar um carro é uma boa ideia, visto que as coisas são relativamente próximas umas das outras, o transporte público pareceu atender a todos os pontos turísticos e sempre tem o Uber.

Como estava com meu carro particular não tive custo, mas não pagaria $300 para 4 dias de locação para fazer menos de 50 milhas com ele nesse tempo. Deixo essa para você decidir 🙂

Hotel

O Hotel em que me hospedei é o Magnuson que fica de frente para o mar e apesar de ser um hotel apenas 2 estrelas, me surpreendeu por oferecer mais do que o esperado. O Estacionamento é gratuito para os hóspedes e todos os quartos possuem um microondas, pratos e talhes, uma mini-geladeira, além de uma ante-sala com mesa.

O hotel tem ainda uma piscina que não usei, mas achei bem limpa e também as tradicionais máquinas de gelo (sem custo). O lado ruim fica para o café da manhã, que não merecia nem receber esse nome. Considere como inexistente.

Para compensar, tem um McDonalds a 1 minuto caminhando e também uma porção de restaurantes que oferecem café da manhã.

Se quiser conferir uma avaliação completa dos demais hóspedes veja no TripAdvisor: https://www.tripadvisor.com.br/Hotel_Review-g34141-d84271-Reviews-s1-Magnuson_Hotel_Clearwater_Beach-Clearwater_Florida.html

Orlando

Se você está em Orlando ou deseja ir até lá para visitar a Disney é uma viagem muito rápida e tranquila. Tudo muito bem sinalizado e sem nenhuma dificuldade. Prepare-se para um deslocamento em torno de 2 horas, contando com o trânsito.

Sugiro muito você ir conhecer Clear Water, voltarei com certeza em breve.

Já já posto mais vídeos dos nossos passeios por lá.

Boas viagens.

Anúncios
Publicado em EUA | Publicar um comentário

Planejando uma viagem de carro pelos Estados Unidos

Olá amigos viajantes desse mundo lindo de Deus!

Segue mais um vídeo para quem está planejando fazer uma longa road trip 🙂

Publicado em EUA | 1 Comentário

De Orlando a Miami de carro

Ola amigos e amigas viajantes por seu mundo lindo de Deus!

Minha amiga Catia de Souza esta passando alguns [maravilhosos] dias na Florida e esta registrando toda a viagem em seu grupo publico no Facebook “Alem do horizonte / beyond the horizon” (confere la’!!!) e gostei tanto que pedi a ela para compartilhar o relato da viagem de carro que ela fez entre Orlando e Miami com todos do nosso blog!!!

Você vai se deliciar com o relato tambem, confira:

De Orlando a Miami de carro

Bom dia !Hoje vou dar uma dica pra quem gosta de aventura e quer combinar Orlando a Miami na mesma viagem.,Acabo de fazer trajeto rodoviário pela primeira vez e deixo aqui minhas dicas pra quem quiser se aventurar.
Vale a pena pegar o carro ao chegar?
Se você gosta e não se importa em dirigir esta e a melhor opção.

Não saia da locadora sem o Sun Pass, um chip de pedágio que é obrigatório para uso das auto-estradas — e, quando você estiver em Miami, de quebra ainda permite que você use via expressas.Eu particularmente nao usei o sun pass paguei em torno de $17 pelo tool na volta pela Florida Turnipike.

Um GPS também é indispensável.

Qual é a distância? Quanto tempo leva?

De Orlando a Miami são 380 km, que você faz entre três horas e meia e quatro horas, dependendo do trânsito na saída/entrada das cidades.

Dois caminhos: Turnpike e I-95

A rota mais comum é pela estrada Florida Turnpike, que desce em diagonal pelo interior até chegar à costa em West Palm Beach. Mas é possível também ir pela I-95, ao longo da costa (mas sem vista para o mar). Os tempos se equivalem. Nos fizemos a Ida pela Florida Turnipike mas entramos pela 1A1 em West Palm Beach para conhecer um pouco do litoral,vale muito a pena ,e uma viagem mais longa mais muito linda!

O que há para ver pelo caminho?
Alem da paisagem deslumbrante,uma hora antes de Miami começam a aparecer algumas cidades , como West Palm Beach e Boca Ratón ,
Deerfield Beach,Fort Lauderdale ,se vc tiver com tempo vale a pena conhecer a região,mas se seu destino e direto para Miami ou Miami Beach prossiga viagem pois quanto mais cedo você chegar no destino, melhor aproveitará.
Vou postar algumas fotos dos lugares que vistamos.

——————————————————

Catia de Souza e’ agente de viagens na Brazcom turismo em Massachusetts e atende a todo territorio norte-americano desde reserva de carro, passagens aereas em trechos locais e internacionais, hospedagem, passeios exclusivos e tudo mais para tornar a sua viagem especial e o melhor de tudo: na comodidade da nossa lingua. Não compre a sua passagem antes de fazer um orcamento com ela!

O telefone da Brazcom +1 508 624 6411.

Nos vemos por ai! Boas viagens!

Credito das imagens: Catia de Souza

Publicado em EUA | Publicar um comentário

[Video] Como abastecer o carro nos Estados Unidos?

Ola amigos viajantes por esse mundo lindo de Deus!

Conforme havia prometido, aqui segue o video complementando o post sobre como e’ abastecer nos Estados Unidos.

Tudo muito simples e facil.

Duvidas, criticas e comentarios sao muito bem vindos!!!!

Boas viagens!

Publicado em EUA | 1 Comentário

Planejando um Passeio no Carowinds – Fury 360 a Maior e Mais Rápida Montanha Russa do Mundo

Olá viajantes, sonhadores e aventureiros de plantão!

Nosso post de hoje vai até a cidade de Charlotte, na divisa entre a Carolina do Norte e a Carolina do Sul para conhecer o Carowinds, parque temático do Snoopy e da turma do Charlie Brown e também a casa da Fury 360, a maior e mais rápida montanha russa do mundo!

carowinds1

O Carowinds (e a cidade de Charlotte) são fantásticos! Há muitas atrações, para todos os gostos e para todas as idades e por um preço muito mais justo (e com filas infinitamente menores) que as da Disney.

Obviamente é impossível comparar a Disney World com o Carowinds, aliás, nenhum Parque Temático no mundo se compara à Disney, mas não é exagero dizer que o parque nas Carolinas é uma versão em tamanho menor do primo famoso da Flórida.

Como chegar ao Carowinds e Hospedagem

carowinds2

Falando primeiro sobre hospedagem, se você está vindo até Charlotte especificamente para ir ao Carowinds, o ideal é que você se hospede em um dos hotéis que ficam no entorno do Parque. Vários deles são acessíveis inclusive indo a pé! Os preços variam de acordo com o período do ano e a categoria, mas as diárias iniciarão em torno de $100/noite.

Se você está hospedado em Uptown Charlotte, ainda assim continua muito rápido chegar ao parque utilizando a Interestadual-77 Sul, normalmente se faz o trajeto em menos de 15 minutos de carro. Se você estiver na região sul de Charlotte o tempo de deslocamento é menor ainda. Não importa qual via você utilizar (mas, a melhor opção é a I-77), todas as estradas e ruas são muito bem sinalizadas indicando as distâncias e as saídas, tornando praticamente impossível você se perder.

Para ir utilizando o transporte público, você vai precisar de uma ajudinha de um mapa ou de um celular com GPS. Eu desaconselho muito essa escolha! Você vai acabar gastando em torno de 1h30min utilizando o sistema de ônibus.

E quanto custa um ingresso para o Carowinds?

O valor do ticket para entrar somente um dia no parque em 2015 é $41,99 não importando se você é adulto ou criança. Se você entrar depois das 4 da tarde o valor cai para $29,99.

Mas, talvez a melhor opção seja você adquirir um Season Pass por $90 e você pode ir ao parque QUANTAS VEZES QUISER durante todo o ano e o estacionamento é gratuito! E o melhor é que você pode parcelar em até 6 vezes, ou seja, vai pagar em torno de $17.

Quantos dias ficar no Parque e como planejar os passeios?

carowinds3

Essa é uma pergunta difícil, pois depende da personalidade de cada um, se está com crianças, se está vindo no período de verão, se gosta de parque aquático, etc. Mas, acredito que para aproveitar de verdade é preciso no mínimo 3 dias.

Nesses 3 dias mínimos, deixe o primeiro dia para conhecer o parque em si, ir nas atrações e brinquedos, assistir aos shows da turma do Snoopy e de música country, almoçar em alguns dos restaurantes temáticos, etc. Dedique o segundo dia para curtir o Boomerang Bay (o ticket de ingresso ao Carowinds também inclui acesso gratuito ao Boomerang Bay),m curtindo as piscinas de ondas, os muitos tobogãs individuais, de velocidade e em grupo, o parque molhado infantil, os passeios de flutuação com bóia e tudo mais… Já no terceiro dia selecione os brinquedos ou passeios que mais gostou e passe a parte quente do dia no Boomerang Bay e o início e fim do dia para repetir as montanha russas selecionadas por você.

Logo na entrada principal, próximo à loja souvenirs, na  direita existe uma entrada de madeira para um passeio de boia em uma corredeira em um pequeno rio natural. É um passeio muito bom para se fazer em família.

O parque oferece um passeio adicional, que é o Parque dos Dinossauros, se não estou enganado custa em torno de $15, mas como nunca me interessei em entrar, não posso dar mais informações (se você for, por favor deixe nos comentários).

Você vai descobrir que o parque é muito grande e que tem muitas opções, na minha opinião alguns passeios são obrigatórios, como a Fury 360, a Intimidator, Afterburn, Wind Seeker, Cobra e as duas montanhas russas de madeira. Você tem que conhecer todas essas, no mínimo!! E dentro do Boomerang Bay, não deixe de ir no tobogã de duas cores todo fechado (o mais alto de todos), pois dele você vai chegar a quase 50km/h caindo 🙂

Dicas básicas de como se vestir e se portar no Parque

Não importa o dia ou se você está planejando ir ao parque aquático ou não, vista-se com roupas leves, evite jeans ou roupas pesadas. Dê preferência para tênis super confortáveis ou sandálias para as mulheres. Se você tiver condições, compre um tênis para piscina (você achará em qualquer loja de calçados ou Walmart) que são excelentes para usar não só para o parque, mas também em outros clubes e na praia.

O verão em Charlotte é muito quente, com temperaturas as vezes acima dos 35ºC, então compre um protetor solar FORA do parque, pois se deixar para comprar lá dentro vai pagar o triplo do valor.

NUNCA FURE FILAS! NÃO GUARDE LUGAR PARA NINGUÉM! Essas atitudes além de uma tremenda falta de educação, no Carowinds são passíveis de expulsão do parque. E espere por uma baita vaia das demais pessoas.

Comer é extremamente caro dentro do parque, mas há algumas opções para você comer sem gastar tanto: Há um Pandas (comida chinesa) bem próximo da entrada do setor dedicado as crianças menores. Tem também um Chicken Fill-A perto da casa mal-assombrada e uma lanchonete que vende pizzas e saladas muito gostosas praticamente na entrada do Boomerang Bay.

Você pode optar (se quiser encarar) sair do parque e comer nas opções que existem a menos de 3 minutos do parque, que incluem McDonalds, Backer Barril, KFC, Burger King, etc. Comidas e bebidas de fora do parque não são aceitas.

Mas, falando sobre a Fury 360, a maior montanha russa do mundo!

carowinds4

Não tenho muito o que dizer, veja o vídeo você mesmo:

É muito irado! A altura é equivalente a um prédio de 30 andares e você chega a mais de 160 km/h. São aproximadamente 3:30 minutos de passeio, com muitas curvas arrojadas, muita queda em alta velocidade, mergulho no subsolo e mais. Experiência para contar para todos os amigos e guardar pelo resto da vida.

O normal é sentir muito medo antes de ir, e o melhor é você ir se acostumando com  ideia aos poucos. Vá antes no Afterburn no primeiro lugar e depois no Intimidator! Após você ir no Intimidator você estará pronto para ir na Fury.

Você ir ao Carowinds e não encarar essa montanha russa é imperdoável!

Bom, é isso aí!Vou deixar mais umas fotos do parque para animar vocês.

Se tiverem perguntas, deixa no campo comentários que procurarei responder a cada um!

Abraços e boas viagens!

Fotos:

Publicado em EUA | 1 Comentário

Restaurantes bons e baratos em New York – Sea Food

Recebi esse comentário de um leitor do blog e aproveito para compartilhar a resposta com todos e desde já agradecer a todos que interagem e comentam as postagens. É um combustível para seguirmos postando ainda mais! 🙂 Segue lá:

Grande pantaneiro, também sou da terrinha e irei com a minha esposa para NY ano que vem. Gostaria de saber se v0cê conhece restaurantes com preços justos (classe média de Campo Grande) comida em fartura para peixes, frutos do mar, e outros que você julgar bons, além do Dallas e do Carmines que já estão em nossas programações. Obrigado, abs.

Olá caro Marcus Pollet,

Primeiramente muito obrigado por acompanhar o meu blog. Fico especialmente feliz em encontrar conterrâneos desbravando o mundo, até porque nosso estado costuma receber turistas de todo planeta, rsrs.

Respondendo a sua pergunta, achar um lugar bom e barato para comer em New York é o segundo maior desafio de todo turista (o primeiro é sem sombra de dúvidas encontrar um Hotel barato e confortável para se hospedar em Nova Iorque).

Existem muitos bons restaurantes em Manhattan. Fenomenais na verdade. Mas, pode ter certeza que são o olho da cara – e mais um rim – para pagar a conta e as gorjetas. Tudo na ilha é mais caro devido o grande número de turistas e também, simplesmente, porque ali é um local onde muitos podem pagar para ter um serviço diferenciado.

Contudo, eu sou do tipo que acredita que nós podemos (e devemos) nos dar alguns mimos, como nos permitir fazer a ‘loucura’ de levar a esposa ou a namorada para comer em um restaurante super fino ou de um chef renomado e gastar alguns ‘Benjamins’ pela experiência gastronômica. Pode ter certeza que ir a um restaurante top é uma experiência que ficará gravada tanto quanto ir a Times Square pela primeira vez.

Como o seu foco são as especiarias do mar, é ainda mais difícil conseguir um lugar com um preço bom e confiável. Não vá em qualquer restaurante de Sea Food que tenha uma avaliação da vigilância sanitária abaixo de 90 ou “B” ou pode ‘pagar o preço pela economia’.

Digo por experiência própria, pois em outubro agora comi uma sopa de frutos do mar em um Shopping bacana de Boston e algo não estava fresco e passei uma das piores noites da minha vida depois. Todos os restaurantes de NY tem essa placa  em local visível indicando o resultado da última inspeção sanitária. Olha como é uma:

Exemplo avaliação sanitária de um restaurante

Avaliação Sanitária

Minhas Sugestões de Restaurante de Peixes e Frutos do Mar em New York

Bom, pelos requisitos que você colocou em relação ao preço da classe média de Campo Grande, acredito que o Taverna Kyclades em East Village ou o Estiatorio Milos em Midtown são boas pedidas para você. Ambos são em estilo grego e super bacanas para ir sozinho ou acompanhado.

Sobre o Taverna Klyclades

Esse restaurante grego localizado em East Village é super simpático e com uma seleção de pratos fantástica pelo preço que cobram. Você pode fazer jantar com entradas, saladas e o prato principal por menos de $60 (mais gorjeta) tranquilamente.

O ambiente é super simples e descontraído. Desde as decorações até o sotaque do povo, tudo remete a Grécia. Eu acho um pouquinho apertado e na minha opinião lembra um pouco restaurantes de Bonito-MS. Nas duas vezes que estive lá no almoço encontrei muita gente jovem conversando animadamente. Durante o verão e a primavera eles colocam várias mesas para fora para poder curtir o dia.

O lado positivo deles é que não precisa fazer reserva antecipada, então você pode simplesmente ir lá fazer a refeição se por acaso estiver andando pros lados de East Village. O lado ruim do restaurante é que não precisa fazer reserva antecipada, rsrs. Então pode acontecer de você chegar lá e ter que encarar uma fila enorme para entrar no restaurante. A melhor opção é que planeje e chegue lá com antecedência e esteja preparado para ficar um tempo aguardando para fazer a sua refeição.

Um último dado é que eles estão no Zagat, um guia de avaliação de restaurantes respeitado e eles são bem avaliados, e obviamente ter fila para entrar demonstra que a comida é boa e que os clientes aprovam.

Eles são uma ótima opção para a hora do almoço. O preço vale a pena. Tem uma estação do metro na décima quarta, perto do cruzamento com a primeira avenida. É fácil de chegar. O endereço deles é:

228 1st Avenue
New York, New York 10009
212-432-0010

 

Sobre o Estiatorio Milos

Ambiente simples e rústico

Milos

O Milos é também um restaurante grego especializado em Sea Food e que possuí unidades em várias cidades do mundo – incluindo uma em Atenas – e está super bem localizada próximo o suficiente dos teatros da Broadway, do Museu de Arte Moderna e do Central Park. É um lugar fantástico para ir a dois!

Eles tem umas mesinhas que você pode sentar do lado de fora do restaurante (caso o clima permita) e é ideal para jogar conversa fora e curtir o dia. A decoração interna salta aos olhos e é de muito bom gosto. É meio rústico, mas sofisticado ao mesmo tempo.

O atendimento deles é bom e o público que frequenta é um pouco mais maduro e normalmente composto por executivos da região. Eles tem várias frutas e alimentos do mar expostos que compõe o buffet que acho bacana.

O preço para desfrutar de uma refeição varia em torno de $90 a $120 (mais gorjeta) e a qualidade do menu e do sabor de tudo é nível superior. É difícil ir ao Milos e não gostar.

Tem várias estações do metro e é possível ir também caminhando e conversando partindo de vários dos locais turísticos que passei acima, será uma caminhada de 10 a 20 minutos.

O endereço deles é: 125 West 55th Street, zipcode: 10019. Telefone deles: 212 245 7400.

Lembrando que você deve fazer uma reserva antecipada para comer lá.

 

Espero que você goste de algum dos restaurantes e principalmente que volte para deixar a sua opinião sobre eles! 🙂

Se alguém conhece algum outro restaurante de frutos do mar e quiser deixar a sugestão, garanto que vou lá visitar e comprovar se é bom ou não, rsrs.

Boas viagens a todos.

Publicado em EUA | Etiquetas , , , , , , , | 1 Comentário

Como é viajar para Miami com a Delta?

Olá Viajantes,

Este é o nosso segundo review sobre uma companhia aérea que vem para os Estados Unidos. Desta vez relatarei sobre as experiências de voo com a Delta Airlines.

A Delta é um empresa muito grande e com grande fluxo de passageiros diariamente. Tem preços sempre competitivos e faz voos diretos para várias cidades americanas.

Quando comecei a procurar por relatos (assim como você está fazendo), encontrei muita gente detonando a empresa, mas desta vez já sabia o motivo dessas reclamações e a razão de não encontrar tanta gente defendendo (se você ainda não leu sobre o meu post relatando a experiência de voar para os EUA com a Avianca, leia e vai entender).

Quando chegou a hora da verdade, foi isso que enfrentei:

 

COMPRA DA PASSAGEM E EMBARQUE.

Fiz a aquisição das passagens pelo website da companhia, em uma das muitas promoções que eles fazem durante o ano e vim com a família inteira: 2 adultos e 3 crianças. Consegui emitir os 5 tickets por menos de R$4.500 com todas as taxas incluídas, ou seja, ficou um bom negócio.

O meu voo saia do aeroporto do Galeão com destino à Miami e com escala na cidade de Atlanta.

Três horas antes da decolagem fiz o check-in no balcão da empresa, que estava relativamente tranquilo e havia um atendente ainda na fila auxiliando e deixando tudo certo para agilizar o processo de check-in.

Após os procedimentos normais (confirmação das passagens, poltronas, documentos pessoais e informar onde estaríamos hospedados nos EUA) fomos liberados para despachar as bagagens.

A chamada para o embarque se deu no horário e seguindo as prioridades normais. Pontualmente no horário nosso avião levantou voo.

 

AVIÃO E EXPERIÊNCIA DE VOO

O avião da Delta para aquele trecho tem uma configuração 2x3x2 e os assentos na classe econômica são simples, com inclinação regular. Para mim em um determinado momento, já estava cansado. Obviamente que se eu desejava muito conforto, deveria ter pago uma passagem na classe executiva.

Os comissários de voo falavam inglês e português e foram sempre muito atenciosos. Haviam duas opções de refeição e eram razoáveis.

O sistema de entretenimento é coletivo e não individual, mas os filmes que passaram me chamaram a atenção e assisti a 2 durante o trecho. Utilizei os banheiros por duas vezes e em ambas os encontrei limpos. Isso para mim é algo importante.

Como toda a viagem era durante a noite, tornou o trecho bem tranquilo. Quase todos conseguiram dormir e não passamos por nenhum situação como turbulências ou coisas do tipo que fosse necessário acender luzes ou falas do comandante.

Comparado com minha viagem a NY com a Avianca, digo sem sombra de dúvidas que a Avianca oferece uma melhor experiência, tanto em conforto, alimentação e entretenimento durante o voo, mesmo tendo de parar em Bogotá.

 

CONEXÃO EM ATLANTA E UMA SURPRESA AGRADÁVEL

A conexão em Atlanta é muito bem organizada. É preciso pegar as malas e despacha-las novamente. O processo de imigração por lá é muito simples e rápido. Sem surpresas desagradáveis para ninguém que eu acompanhei.

O aeroporto de Atlanta é gigantesco e para se deslocar para o outro portão de embarque é necessário pegar um pequeno metro que liga os locais de embarque. Se você não fala nada de inglês é bom prestar atenção em outras pessoas que estão indo para o mesmo lugar que você, apenas para não ficar rodando que nem bobo pelo aeroporto e ter de ficar mostrando a passagem e fazendo gestos.

Quando fiz o “segundo check-in” das malas para o voo Atlanta x Miami, eu não tinha reparado, mas havia esquecido de pegar a cadeirinha de bebê da minha filha. Só lembramos disso quando já estávamos quase chegando em Miami. Mas, para minha surpresa, o pessoal da Delta viu que havíamos esquecido e despachou para nós. Isso a vez ganhar muitos pontos no meu conceito! Preocupação com os clientes.

 

O VOO ATLANTA X MIAMI

O avião para o trecho Atlanta x Miami era bem menor, para voos domésticos mesmo e estava claro que 90% ali eram turistas. Povo de  bermudão e camisa colorida. Não sei se é sempre assim, mas é divertido ver pessoas relaxadas e com feição descontraída.

Nem preciso dizer que o atendimento em um voo desses foi bom.

No desembarque tudo tranquilo e também sem nenhum atraso.

A Flórida é tudo de bom. Ótimas praias, gente bonita, muita animação e um sol maravilhoso. Disney World. Sem contar os excelentes preços nos outlets.

 

E ENTÃO, VALE A PENA?

Pelo preço, vale sim. Era um voo noturno e passou relativamente rápido. Não foi a melhor experiência do mundo com uma companhia aérea, mas não foi nem um pouco ruim também.

Se você já está acostumado a voar de GOL pelo Brasil, vai se adaptar tranquilamente com a Delta.

Publicado em EUA | Publicar um comentário